domingo, 6 de maio de 2012

Casamento comunitário em Bauru

OIES!

Segunda-feira, dia 30/04/2012, estava lendo o Jornal da Cidade e a seguinte matéria me  surpreendeu: (Clique nas imagens para que elas fiquem maiores)




Pensei: "Uia! Puxa vida, que legal!"
No dia 29/04/2012, aconteceu o primeiro casamento comunitário em Bauru com direito ao protocolo completo. Idealizado e organizado pela SEBES (Secretaria do Bem Estar Social de Bauru) em parceria com diversos fornecedores de casamento de Bauru, em todos os ramos presentes nos casamentos "particulares": fotografia, vestido, cabelo e maquiagem, traje do noivo, buffet, cerimonial, decoração, etc.A festa foi no Salão Roccaporena (chiquerérrimo!). Tudo gratuito para os 30 casais participantes.
Mas depois fiquei pensando: "Mas, por que o casamento virou preocupação de Secretaria do Bem Estar Social?"
Procurei no site da Prefeitura Municipal de Bauru e não encontrei nenhuma explicação do objetivo desta ação. Pesquisando no Google, encontrei algumas explicações das autoridades que promovem casamentos comunitários em suas respectivas cidades. Pelo que entendi, casar de "papel passado" regulamenta a vida conjugal juridicamente e fortalece o compromisso do casal, diminui as separações por motivos torpes e dá maior estrutura psicológica à família, principalmente aos filhos. Sem contar, que o casamento como evento é um marco muito importante na história de toda família.
E deu pra perceber pelo sorriso dos casais nas fotos acima toda a emoção deste momento. Com certeza, eles mereceram. Deve ter passado um belo filme na cabeça de cada um, com cada alegria e cada dificuldade já vivida com o outro e como eles batalharam pra poder chegar até ali.
Bom, pra quem se interessou ou conhece alguém que possa se interessar, a intenção, como conta na reportagem, é que o casamento comunitário com protocolo completo se torne parte do calendário de eventos da cidade. Dei uma ligadinha lá na SEBES e me disseram que as inscrições pro próximo casamento serão no começo de abril/2013, sendo divulgadas no Diário Oficial do Município (que também dá pra acessar no site da PMB). É preciso apresentar RG e CPF do noivo e da noiva e um dos critérios para seleção é que a renda máxima do casal seja menor que dois salários mínimos (hoje seria menor que R$ 1245,46).
Para entrar em contato com a SEBES: Rua Alfredo Maia, quadra 1, telefone: (14) 3227-8624.

Besitos

P.S.: Convites 90% prontos! Falta só cortar os convitinhos individuais e pedir pra minha calígrafa escrever os nomes dos convidados no verso. E entregar, claro!

P.S. do P.S.: Ele foi feito 99,9% em casa e modéstia a parte ficou LINDO, LINDO, LINDO!!!!!!!!!!!!!

P.S. do P.S. do P.S.: Infelizmente, só vou poder mostrar quando terminar de entregar todos :( pra não estragar a supresa. Mas para compensar vou fazer um PAP para vocês sobre ele.

3 comentários:

Fabiana Coelho disse...

Super aprovada a ideia da Sebes, né?! Realizar o sonho de vários casais ao mesmo tempo, e o melhor, com direito a tudo...
Um dia antes dos casórios, vi uma entrevista por cima na TV Tem, e pude ver a emoção de um dos casais em poder realizar esse sonho após 30 anos de união... Achei lindo!!!


Bjsss, uma ótima semana!!!

Daiane Rodrigues disse...

eu Achei muito legal isso sol.... quem não pode casou e chorou muito por conseguir um belo casamento. acredito que antes eles não ganhavam tudo assim, parece que foi realizado no salão do Rocca Porena =D Xique DEZ e a decoração foi do Hebert .... tudo muito lindo Parabéns a todos pela ajuda .....

Mil bjsss e eu quero mesmo ver esse convites ai ...

http://tudopodevirarrealidade.blogspot.com.br/

Fran Huesa disse...

Adorei isso...mtooo bom msm..

bjuu

http://respireecase.blogspot.com.br/