sexta-feira, 30 de março de 2012

Daqui a seis meses...

O que eu mais quero é estar muito perto de você, Henrique...

PESSOAS!

Daqui a seis meses eu serei uma mulher casada!!!! Uma senhora!!!! heheheh Gisuis, como o tempo voa, parece que foi ontem que eu postei dizendo que ainda faltavam 18 meses...
Na verdade, os 6 meses certinhos foram ontem e a essa hora do dia 29/09/2012 nossa festa vai estar acabando, acredito eu...

Mas hoje eu vou falar sobre um fato muitas vezes difícil de lidar no relacionamento: a distância.
Essa semana o Henrique teve que fazer treinamento de novo em São Paulo e eu estou aqui morrendo de saudade. Pode parecer bobo porque ele já volta amanhã e, principalmente, porque com a correria do dia-a-dia e quando a gente fazia faculdade estávamos acostumados a só nos vermos no final de semana. Mas com os preparativos do casamento e a facul terminada fiquei mal acostumada a falar com ele todo dia. Mesmo com celular, eu fico carente de pensar que eu não posso pegar minha moto, sair direto do serviço e fazer uma surpresa na frente do prédio dele, ou então de não encontrar ele sentadinho no banco do Terminal Rodoviário, onde ele me espera em muitas sextas-feiras. E fico preocupada até ele me ligar dizendo que chegou bem, e do momento que ele sai do hotel e tem que pegar rodovia, e agora estou preocupada porque quando liguei ele estava preso num engarrafamento em Sampa.
Semana retrasada ele não pôde ir a degustação comigo, essa semana a gente não fez nossa reunião de cúpula para planos do casório (sempre quando falta mais um mês, a gente senta e discute metas). Fiquei pensando nos casais que vivem à distância e não podem curtir momentos mais especiais da vida em comum com tanta frequência. O meu pai teve que trabalhar fora quando eu tinha 4 anos e a minha irmã era recém nascida e ele perdeu muito da nossa infância, e mamys sofreu muito com a solidão... Minha amiga Oziana está aqui e o marido morando em Mato Grosso do Sul, ainda bem que ela está fazendo facul, tirando carta e tem uma família grande pra se distrair, mas mesmo assim ela está sentindo muita falta dele...
Mas só agora me dei conta da falta que faz a pessoa que a gente ama do lado da gente e de que eu terei que me acostumar com isso, porque o trabalho do Henrique envolve arrumar equipamentos em outras cidades, fazer treinamentos, participar de feiras... E ele ainda pode receber boas propostas em outras cidades, por isso também a gente optou por adiar a compra do nosso canto.
Ontem eu fiquei com medo de atrapalhar, e não liguei durante o dia. A noite liguei, mas ele estava preso e a ligação caiu. Ele está sem Internet lá no hotel e eu também raramente lembro de colocar créditos no celular ;P Mas durante o dia, mandei uma série de mensagens que dão o titulo do post:

Sol para Hick em 29/03/2012 às 13:24:18 :
"Daqui a 6 meses, nós estaremos preparando nossas coisase indo para o hotel... Bj t amo!"

Sol para Hick em 29/03/2012 às 16:04:35 :
"Daqui a 6 meses, estarei posando para fotos enquanto me maquiam... Bj t amo mto!"

Sol para Hick em 29/03/2012 às17:05:02 :
"Daqui a 6 meses, estarei colocando meu vestido de noiva... Bj t amo mto!"

Sol para Hick em 29/03/2012 às 17:55:17 :
"Daqui a 6 meses, estarei chegando na igreja... Bj t amo mto!"

Sol para Hick em 29/03/2012 às 18:20:06 :
"Daqui a 6 meses, estaremos nos encontrando no altar... Bj t amo mto!"

Sol para Hick em 29/03/2012 às18:39:55 :
"Daqui a 6 meses, estaremos dizendo "SIM"! Bj t amo mto!"

Sol para Hick em 29/03/2012 às 19:21:14 :
"Daqui a 6 meses, vc estará beijando a sua ESPOSA... Bj t amo mto!"

Sol para Hick em 19:45:40 :
"Daqui  6 meses, nós seremos o casal mais feliz do mundo!!! Não vejo a hora do NOSSO DIA chegar! T amo mto mtão mtaço!"

E pra você, Henrique, meu amor, um trechinho daquela música do Nando que a gente gosta tanto:
"Espero que o tempo passe
Espero que a semana acabe
Pra que eu possa te ver de novo
Espero que o tempo voe
E que você retorne
Para que eu possa te abraçar e te beijar de novo..."

Acho que deu pra perceber que eu estou ansiosa e carente né?rsrs

Besitos

P.S.: Adorei as dicas de todas no post passado! Muito obrigada, vocês são muito carinhosas comigo! Já estou colocando em prática, depois comento o que deu certo e o que não deu pra mim...

P.S. 2: UFA! Montar convites dá um trabalhão! Ainda bem que são poucos! E minha cacholinha não pára de ter ideias e querer fazer um milhão de coisas. Acho que vou parar de pesquisar sobre coisas de casamento, senão ficarei frustrada em não poder fazer TUDO... Por isso, pro meu bem, parem de postar ideias tão maravilhosas! hauhauhauhu Brincadeira... O mundo casamentício é apaixonante e viciante, fazer o quê?!

P.S. 3: Desse findi não passa! Prometo visitar os blogs! Juro de coração!

P.S.4: RESULTADO DA PESQUISA "Vocês vão mudar de sobrenome?": Uma vitória acirrada de "Não, vamos continuar com nossos nomes de solteiros." por 1 voto apenas em cima de "Sim, apenas eu vou adicionar o sobrenome dele." As garotas estão mais GIRL POWER EVER do que eu pensava...

sábado, 24 de março de 2012

Operação Beleza

NOIVA MALUKA PARA BATALHÃO DE BRANCO. RESPONDA BATALHÃO, RESPONDA!

Hahaha Agora que faltam quase 6 meses pro nosso casório, venho no melhor clima "Missão impossível"  e correndo o risco de ter meu noivado rompido (sim, porque vai que o Henrique pensa "Vixi, não é uma mulher, é uma ogra! Corre que é cilada, Bino!" heheheh), dividir algumas das minhas apreensões sobre beauty, pois quero tomar providências urgentes pra ficar gatona no dia 29/09/2012 e preciso muito de algumas opiniões sobre:

1) Queda de cabelo
O PROBLEMA: Eu tenho os cabelos bem finos e ralinhos por herança genética (genes do pops) e agora eles estão caindo mais. Isso me deixa desesperada! Já fui em dois dermatologistas e eles levantaram n hipóteses: Herança genética, início de anemia, stress... Ambos disseram que lavar o cabelo todos os dias faz cair mais cabelo é mito.

VOU TENTAR: Pingar o remédio todos os dias, lavar com água um pouco mais fria, comer mais proteínas e tentar estressar um pouco menos.



2) Unhas roídas:
PS: Essas unhas são do Google, não minhas!
O PROBLEMA: Desde os seis anos eu tenho mania de roer unha. Com o tempo, a mania virou um TOC leve e sempre que eu fico ansiosa eu cutuco, cutuco até arrancar um pedaço de unha ou de cutícula, inclusive dos pés. O resultado disso é que minhas unhas quebram com muito facilidade, aí vira um círculo vicioso: A unha é fraca, quebra lá no tronquinho, eu cutuco e arranco pedaços e me machuco, aí a unha fica mais fraca.

VOU TENTAR: Passar pimenta não adianta, eu já tentei... (principalmente, porque eu gosto muito de pimenta ;P ) ir na manicure toda semana, ou pelo meno uma vez a cada 15 dias. Desenhos bonitinhos me inibem um pouco de querer destruí-los. Não adianta tentar fazer em casa, além de ficar uma caquinha, preciso de ajuda profissional: o negócio é doer no bolso!

3) Sobrancelha mal tirada:

PROBLEMA: Mamys tirou minha sobrancelha a primeira vez, mas como ela não estava enxergando muito bem e puxava mais pele do que pelo, resolvi eu mesma ir tirando os toquinhos que apareciam. Aí eu fui me empolgando e, depois de anos, minha sobrancelha  ficou muito fina na ponta externa. Bem desproporcional.

VOU TENTAR: Deixar crescer, ué. Se vocês me virem com olhar de Frida Kahlo por aí, não estranhem. E depois procurar, uma designer.

4) Olheiras:
O PROBLEMA: Vida agitada e noites mal dormidas dão nisso: Olhinhos de guaxinim! Estou começando a ficar com olheiras mais escuras e inchadas...

VOU TENTAR: Dormir mais e melhor, colocar compressas de gelo nos olhos e passar um creminho anti-olheiras que mamys comprou. Fora isso tem outras ideias do Google, como dormir com o rosto para cima (?!?!).






5) Axilas escuras:
O PROBLEMA: É muito difícil pra mim ficar mais que um dia sem raspar as axilas, aí elas ficaram escuras... Visitando alguns sites, além de depilação com lâmina, o uso de desodorantes com álcool também prejudica essa região.

VOU TENTAR: Fazer depilação com cera, já troquei o desodorante por um que ajuda a clarear a pele e passar mais hidratante. Mas agora, fiquei muito em dúvida se devo tentar métodos caseiros, como mel, aveia, maisena e leite ou fubá com água oxigenada... Vi em um site, que essas soluções agridem ainda mais a pele. Alguém aí fez e deu certo?

6) Bolinhas nos braços:
O PROBLEMA: O nome clínico para isso é Queratose Pilar. Segundo alguns sites, pessoas com alergias respiratórias como rinites (me!), bronquite e asma tem predisposição a desenvolvê-la. O dermatologista que visitei disse que era um problema de quem tem a pele muito seca e era pra eu usar mais hidratante. Pensei: "Blah, disso eu já sei, seu cretino! Médico homem não entende mesmo a urgência que é um casamento."

VOU TENTAR: Passar mais hidratante ¬ ¬, parar de cutucar a região e procurar uma dermatologista, pra ver se eu resolvo o problema das marcas que ficaram.


7) Pneuzinhos:
Awww! Que vontade de apertar!
O PROBLEMA: Bem, esse é o que estou menos preocupada, porque estou muito feliz com minha silhueta hoje em dia. Mas a Bruna me disse pra eu tentar chegar aos 62 kg, porque assim perderia a gordura sobressalente do meu corpitcho. Então, pra quem perdeu 13 kg, dá pra tentar perder mais 2 kg, neh...

VOU TENTAR: Seguir a dieta corretamente (porque eu adoro dar umas escapulidas) e não faltar na academia. Mas isso sem ficar neurótica. Se alguém me convidar pra jantar fora, aceito o convite com prazer, sem restrições.

Pois bem, esses são meu sete problemas de beleza capitais. Preciso de algumas dicas sobre como combatê-los mais efetivamente, o que vocês fizeram, o que deu certo e o que não deu. Mas, se não tiver jeito pra mim, podem ficar tranquilas que eu não vou me desesperar (prometo!). Ainda acredito que a verdadeira beleza está dentro da cabeça e da alma da mulher. O que citei aqui são mais problemas de desleixo comigo mesma e que dá pra ser consertado, mesmo a longo prazo se eu me cuidar mais. Porque não existe mulher feia, existe mulher mal cuidada. ;D

E pra finalizar o post, um clipe muito bacana do Zeca Baleiro, "Salão de Beleza":


Besitos

P.S.: Meninas, me desculpem mas a semana tava hiper corrida. Aos poucos vou visitando os blogs e respondendo os comments do post anterior (adorei todos, de coração!). É porque eu estava finalizando coisas do meu convite! E outra boa notícia: a novela do salão de festa chegou ao fim!! YUPIIII! Assim que tiver fotos dele, eu posto aqui.

P.S. 2: As aulas de dança de salão estão uma delícia!! Estou tentando convencer o Henrique a postar uma aulas aqui no blog também...

P.S. 3: MENINAS DE BAURU: Contrariando o que a música do clipe diz, agora eu estou precisando de um salão de beleza, sim. Pra fazer meu cabelo e maquiagem do BIG DAY. Vocês tem algumas dicas e orçamentos pra me passarem, please?!?!?

quinta-feira, 15 de março de 2012

Degustação do Buffet Vitória

PESSOAS!

Nossa, eu nunca trabalhei o meu panceps (pra quem não entende de anatomia comilona: são os músculos da pança) como ontem!
Apesar dos conselhos da minha nutricionista guru Bruna (que se ler o blog vai me matar) eu comi um montão e lavei a alma huahauhauahuah Meio que aproveitei o que eu não vou comer no dia huahauhauhau
Depois que eu postei sobre o Buffet Vitória AQUI, algumas meninas bauruenses me mandaram e-mails perguntando sobre referências do Buffet Vitória, eu sempre respondia mais ou menos assim:

"Olha, referências tipo se a comida é de qualidade, eu não tenho. Porque eu nunca vi o trabalho deles ao vivo nem experimentei a comida, mas nós recebemos a indicação de uma pessoa meio enjoada. Se ele gostou, então a gente confiou que era boa. Mas o Henrique falou com clientes anteriores, e todos eles aprovaram..."

Pois bem, agora eu posso dizer: A comida estava ótima! Bem temperadinha e cozida na medida certa, servido com higiene, de um jeito simples e sem frescura, mas muito acolhedor. Pra mim, atendeu as expectativas, vai combinar bem com o estilo do nosso casório.
Levei meu pops e minha mamys, e eles também adoraram. O Henrique estava num treinamento em Cotia-SP e ficou só na vontade (pode ficar tranquilo, mozi... nós comemos por você!).

Nessa degustação, realizada no Salão Infantil Bola de Gude (R. Beiruth 5-41 Bela Vista Bauru-SP), foi servido: Salada de alface com tomate cereja, salada de rúcula cubana, arroz branco, feijão gordo, nhoque com brócolis e bacon, rondelli de queijo com presunto ao sugo, canelone aos quatro queijos, talharim a carbonara, escondidinho de carne, couve refogada, bolo recheado de abacaxi com doce de leite, docinhos diversos, refrigerantes e água. Como havia clientes que fecharam cardápios diferentes, o Sr. Fabrício preparou alguns pratos de cada estilo. Não vou postar as fotos das comidas aqui, porque fui burra e tirei as fotos depois que o pessoal se serviu e repetiu (fica chato colocar as fotos dos richauds semi-vazios, neh...), mas aí vão algumas fotinhas:

Fabrício dando boas-vindas aos convidados. Ao fundo, minha xará, a esposa dele, Solange.
As garçonetes muito simpáticas

Eu, Fabrício e Angélica
     
Mamys comendo a parte do Henrique

E agora olhando feio porque o pops disse que ela iria dormir mal com a barriga durinha
Noivinhas bauruenses unidas: Francislaine, eu e Maria Angélica
Agora eu vou abrir meu coração: Na  degustação, aconteceu um fato inusitado: três noivinhas (e um noivo) me reconheceram do blog! (Tô virando uma figurinha tarimbada...). Eu já havia trocado e-mails com a Fran e a Angélica, mas o chato é que elas me cumprimentaram na maior empolgação e eu tive que perguntar: "Ai... desculpe, mas quem é você?" Mico total, fiquei com muita vergonha de mim... Eu juro que não é por mal, mas é que por meio do blog, as pessoas já são íntimas da gente e da nossa história (e da minha cara de bolacha Trakinas) mas eu não conheço a cara de vocês ainda, apesar de conhecer bem por e-mails. Num Encontro de Noivas, a Hindy me disse que teve uma noiva que "reclamou": "Ah, eu dei 'oi' pra Sol e ela nem me respondeu..." Por favor, não pensem que eu sou metida, ou então que estou me sissi "A FAMOSA" por causa do blog! É que eu sou meio desligada, mesmo... Quando estou com o Hick no carro, ele sempre diz: "Nooossa, você viu aquilo?!?" E eu: "Ahn?" Distraída, distraída...
Mas eu fico muito, muito feliz com esse feedback que vocês me dão. Além de manter minha irmã informada dos preparativos, o intuito do blog é ajudar. É bom se sentir útil. Mesmo tendo um estilo mais pessoal do que casamentício, o blog fez com que conhecessemos pessoas maravilhosas. Se por acaso, você acompanha o blog e me vir na rua, por favor venha falar comigo pessoalmente, eu vou amar, de verdade! Apesar de ficar meio tímida no começo, eu gosto de conversar com as pessoas...
Meninas, eu adorei esse nosso encontro na degustação! Angélica, obrigada pelas super dicas! Fran, obrigada pelo carinho e apoio. Desejo toda a sorte do mundo nesse caminho de noiva pra vocês! Vai dar tudo certo, força no buquê!


Besitos

P.S.: Amanhã vou começar aulas de dança de salão no SESC! A-DO-GO!

P.S. 2: Filmes maravilhosos que assisti essa semana e super indico: 

Cisne Negro
 Especialmente para os amantes de dança, artes dramáticas e suspenses psicológicos

Tão forte e tão perto
Não indicado para amantes de Tom Hanks, como eu (porque ele aparece apenas 10% do filme, fui enganada!). Mas indicado para amantes de dramas tão inteligentes e tocantes que fazem a gente chorar no cinema e refletir sobre a vida uma noite inteira.

terça-feira, 13 de março de 2012

Alô, Chics! - Roupa de madrinha

GIRLS (and boys)!

Semana retrasada maninha madrinha perguntou sobre o vestido das madrinhas pelo Skype. Então, pra não ficar desaparecida de vez aqui no blog também, resolvi dar uma enchida básica de linguiça e apelar pr'aquele livro que citei NESTE POST da Dona Chique, Glorinha Kalil.
Vamos ver algumas ideias dela sobre roupas de madrinha:

Longo em casamento (pág. 98)

Volta e meia só se fala em casamento famosos, seja do príncipe do futebol, do príncipe da Inglaterra, de grã-finos e de apresentadores de televisão. Por isso é bom começar esclarecendo um ponto que dá muita confusão e que propicia foras monumentais: como é o vestido longo para essa ocasião?
Vestido longo para ir a um casamento não é um vestido igual ao que se vai a um baile: ou seja, não deve ser muito decotado (em geral, a cerimônia é religiosa), não deve ter cauda, não deve ter muita roda, nem nada que ofusque o brilho da noiva. E se tiverem um desses vestidos como única opção no armário, pelo menos usem um xale para disfarçar os excessos. O que não pode é dar a impressão de que quer competir com a noiva. Deixem o branco para ela. É o dia dela. Ela é quem deve reinar.
Saber a hora de aparecer ou deixar alguém aparecer é o que pode haver de mais chic.

Roupa de madrinha (pág. 99)

Passa o tempo e o maior problema das famílias envolvidas num casamento continua a ser a roupa das madrinhas, da mãe e das irmãs: longos ou curtos? É obrigatório o uso de chapéu? Que cores ficam bem?
A verdade é que não existem regras nem nada é obrigatório – tudo deve ser resolvido de comum acordo entre a noiva e a turma do altar. Vale o que for combinado entre elas: se preferem vestidos longos ou curtos e se querem ou não estar de chapéu. Quanto às cores, tirando o preto e o branco, todas são permitidas. As fortes, como os vermelhos, os verde-esmeralda; ou as cores claras, como os verde-água, os rosados... Questão de gosto, unicamente.
A dúvida que se repete é: pode ou não pode ir de preto no altar?
Não é o que se espera. Para os ocidentais, desde a Antiguidade, o preto era uma cor ligada ao luto e, portanto, às lembranças tristes que não deveriam estar presentes num casamento. Por isso, as testemunhas nunca usavam preto.
Quem se casa no novo milênio está vivendo esse antigo ritual e seguindo suas tradições. Essa é a razão histórica da interdição do preto no altar.

Pra quem já espiou a minha checklist, viu que eu deixei o traje para madrinhas e padrinhos livre. É claro que eu acho lindo, lindo, lindo a moda americana que está pegando no Brasil de madrinhas combinandinho.



Mas a minha pessoita só se sente a vontade de exigir alguma coisa de alguém se eu estiver "Pagaaaaando" (estilo Lady Kate). E infelizmente, não vou ter dindin pra bancar um vestidinho bacana pra todas. Outra coisa, conhecendo minhas madrinhas como conheço eu não consigo imaginá-las combinando a mesma cor e modelo (minha irmã é xaropita demais pra roupa, iria recusar todos os modelos que as outras escolhessem). Sem contar que eu já exerci a função de madrinha no casamento do Julio e se a Cinthia tivesse me obrigado a usar o mesmo pink que uma das amigas dela eu iria ter um troço, na boa.
Então, achei a melhor coisa deixá-las a vontade porque eu quero ver todas muito felizes, seja de longo, de curto, de longuete, com qualquer das cores da paleta (MENOS O BRANCO, POR FAVOR!!!!! Preto até pode, acho um luxo vestido preto!), liso, estampado, floral, poá... Quer ficar chiquetosa, fique! Quer ficar confortável, fique também! Dá pra unir os dois? Melhor ainda!
Agora alguns modelos de vestidos que abalam Paris:











Acho que deu pra perceber que eu gosto de cores fortes neh? =D


Besitos

P.S.: Amanhã tem degustação! YES! E hoje tem nutricionista... SHIT!!!!!!

quinta-feira, 8 de março de 2012

As mulheres e o Wando

PARABÉNS A TODAS AS MULHERES!

Há alguns meses, procurando músicas da Vanessa da Matta na Rádio UOL, passei pela letra W e vi: Wando. Tomada pela curiosidade e coragem, fui ouvir algumas músicas... Viciei!!!!!! Virei fã dele! Já fazia parte de uma comunidade no quase moribundo Orkut chamada "Eu já Wandalizei" (Wandalizar é dar aquela 'secada' sensual com o olhar à la Wando), mas depois de ouvir pérolas como "Eu já tirei a sua roupa", "Gostosa", "Safada", "Moça", "Aquele amor que faz gostoso me deixou", "Nas curvas do teu corpo", "Amor filho da puta", "Deus te proteja de mim" e, é claro, a clássica "Fogo e Paixão" (Quem nunca cantou a plenos pulmões que alguém era o "seu iaiá, seu ioiô" que atire a primeira pedra) fiquei com a seguinte impressão: O WANDO É O CARA, MEU!

E hoje faz um mês que o dono da maior coleção de calcinhas do mundo faleceu, vítima de complicações cardíacas. Por isso fiquei com vontade de homenageá-lo aqui no blog e calhou de ser junto com a comemoração do Dia Internacional da Mulher.

"Mas Sol, what the fucking hell?!?!?!? Que que tem a ver o Wando com o Dia Internacional da Mulher?"

Explico já: Eu acredito que as datas comemorativas, mais do que ganhar presentes, bombons e rosas, são para estimularmos a reflexão, como postei aqui ano passado. Pois bem, muita gente acredita que o Wando era um taradão pervertido safado. Bem, talvez ele fosse mesmo... mas no bom sentido do termo. As músicas dele exploram um lado que, apesar de todas as revoluções, ainda é díficil de ser sinceramente abordado: A sexualidade feminina.
Digo SINCERAMENTE, porque mulher sentir prazer pra se satisfazer em primeiro lugar ainda é tabu. Mulher que assume que gosta mesmo de sexo porque sente prazer em praticá-lo ainda é considerada, pela maioria, como promíscua. As revistas femininas brasileiras tem sempre uma sessão sobre sexo, mas com títulos assim: "Seja uma deusa na cama e agarre seu homem", "Como fazer um homem ir à loucura", "Seduza aquele gato com sexo selvagem", "Sexo oral: como fazer". O intuito é sempre satisfazer o homem. Nas revistas masculinas, aposto que nunca saiu uma matéria assim: "Faça sua namorada ir à loucura com sexo oral".
Em suas músicas, o Wando nunca chamava a mulher de piranha, cachorra, galinha, estilo Mr. Catra. Como disse, tem uma música dele chamada "Safada". Mas ele não repreende a mulher por ser "safada", ele gosta e fica excitado com o fato de que ela gosta de sexo tanto quanto ele. Nos shows, quando a mulherada jogava calcinha pra ele, ele dava aquela cafungada. Gente, um cara que gosta de cheiro de vagina deve ser respeitado! rsrsrsr Falando sério: Em várias culturas, foi por meio de uma mulher que surgiu o pecado original. Sendo assim, tudo que caracteriza a mulher é considerado pecaminoso e visto com asco. A menstruação é nojenta e deve ser escondida. Os pêlos são nojentos e devem ser eliminados. O cheiro é nojento e deve ser maquiado com sabonete íntimo (que não faz bem pra saúde!!!!). Sentir nojo de uma parte do seu próprio corpo ou ter medo que o seu parceiro sinta nojo do cheiro, do gosto, da textura do seu corpo é sofrer auto-repressão.
Por isso, o meu protesto desse ano é a respeito do sexo. Que toda a mulher tenha direito de sentir prazer. De buscar o prazer, de conhecer o seu corpo e ter orgulho e consciência do que ele pode fazer. E ter liberdade de falar ao parceiro como ela sente mais prazer, sem medo de ser taxada de promíscua e vagabunda.
E pra encerrar, uma music do gatão do Wando:

Nossa Senhora das Fêmeas - Wando

Nossa Senhora das fêmeas proteja toda mulher

Desses perigos do mundo, venha de onde vier
Livrai dos homens malvados, sem piedade, sem dó
Ôoo
Que batem, xingam, machucam, quando não fazem pior
Nossa Senhora das fêmeas proteja toda mulher
Da celulite, das drogas, ciúme, falta de fé
Do furo na camisinha, na gravidez sem querer
Que nas paixões impossíveis ela consiga vencer
Nossa Senhora das fêmeas proteja toda mulher
No seu trabalho, no ônibus, no carro ou mesmo à pé
Iluminai a doméstica, livrai a mãe de um drama
Ôoo
Proteja todas meninas e a moça que faz programa
Livrai das falsas amigas e de quem pega no pé
Da TPM que mexe com um bom amor da mulher
Nossa Senhora das fêmeas não deixe de proteger
Ôoo
A igualdade e o direito e a liberdade de ser
Nossa Senhora das fêmeas dê sempre à toda mulher
Sorriso, brilho nos olhos, felicidade e axé
Paz, equilíbrio ao seu corpo, vida beleza e querer
Amor que dure pra sempre, que nunca falte prazer
Nossa Senhora das Fêmeas proteja toda mulher
Desses perigos do mundo, venha de onde vier

Besitos

P.S. Sexta que vem que vem eu e o Henrique vamos começar aula de dança de salão lá no SESC!!!

terça-feira, 6 de março de 2012

Aprovados no Curso de noivos

YAY!

Depois da formatura do Henrique, nós também ganhamos um certificado, mas foi do curso de noivos rsrsrsr
Como havíamos nos inscrito no começo de janeiro e ainda não tinha saído a data da festa de formatura, coincidiu de cair no mesmo fim de semana, 25 e 26/02/2012 das 13h30 às 18h.
No sábado, dia 25/02/2012, levei um susto quando entrei no salão da Paróquia Universitária do Sagrado Coração de Jesus e me deparei com outros 19 casais!
E ainda dizem por aí que o casamento é uma instituição falida... Ou essas pessoas estão erradas ou os apaixonados são péssimos investidores ;P
Acho que a primeira lição que tirei foi essa... Conhecendo as outras 19 histórias, muito diferentes da nossa, fiquei refletindo como o amor é mesmo maravilhoso e como acontecia de diversas formas. Havia casais que já estavam juntos há mais de 12 anos, alguns já moravam juntos, outros já tinham filhos, um deles estava esperando o primeiro filho. Casais que já conheciam a dinâmica da relação a dois com muita maturidade. E havia casais com a paixão de 1 ano, e até de 3 meses de relacionamento, mas com muita maturidade também, cheios de planos e ansiosos pelo que o futuro reservará. Fiquei imaginado o que cada um deles passou pra chegar até ali, como se conheceram, o que chamou a atenção um no outro, como se apaixonaram e as brigas que superaram.
E o legal foi imaginar que esses 20 casais tão diferentes, se uniam pela ansiedade de chegar o dia em que poderiam afirmar e reafirmar diante de toda a sociedade seu compromisso, respeito e amor para com seu parceiro/a. São 20 casais de muita coragem...

Coragem... acho que não é a palavra certa para o que relamente nos move, mas é o que muito pensam sobre quem está prestes a se casar. O Pe. Enedir abriu as palestras com um exercício para reflexão sobre si mesmo e após, conversando conosco, disse palavras de outro padre: "Curso de noivos bom é aquele em que os casais desistem". Porque, como o Henrique explicou pro amigo dele, as palestras seguintes realmente falaram sobre as dificuldades reais de um relacionamento, e se a pessoa estiver na dúvida, ela "espana" com certeza. Na nossa turma não aconteceu... pelo menos que eu saiba, mas acredito que deva acontecer desistências com muita frequência, porque sabemos que existem pessoas que são colocados na parede pelo (a) companheiro(a)/família, que casam meio que obrigados diante da pressão e ansiedade do outro, com medo de magoar os sentimento do outro agora, mas, infelizmente, acabam magoando depois, quando bate o arrependimento sobre as escolhas que poderia ter feito e não fez.
É muito fácil se apaixonar pelo glamour de uma noite/dia de festa. Ver o sorriso de pessoas tão queridas e bem arrumadas pra você. Morrer de paixão por rendas de vestido, flores que combinam perfeitamente com lacinhos e guardanapos, sonhar com músicas perfeitas e imaginar poses para fotos eternas. Tudo isso é muito fácil, o difícil é manter essa paixão quando o melhor e o pior de uma pessoa finalmente se expõem para você durante 24 horas por dia. É fácil comprar presentes impressionantes nas datas festivas quando se namora. O difícil é quando a pressão das contas não te deixam mais impressionar como antes. É fácil ser turrão, orgulhoso, brigar, ofender e depois que cada um vai pra sua casa e chora as pitangas no ombro da mãe/irmã(o)/ amigo(a), fazer as pazes no dia seguinte. O difícil é passar por cima do seu orgulho e tentar evitar brigas, para evitar o máximo ver, cara a cara, o sofrimento e a mágoa que você causou no outro e tentar aplacar essa dor pra que vocês possam dormir na mesma cama com o mínimo de paz. Esse sim, é o verdadeiro amor.

Muitos casais reclamam que o Curso de Noivos é uma chatice. Para mim e o Henrique foi muito bom, gostamos muito. Foi tudo preparado com muito carinho pela Pastoral Familiar, com coordenação do casal Lydia e Manoel. Houve palestras sobre os aspectos jurídicos que envolvem o casamento, o conhecimento de si mesmo e do outro, o amor conjugal, o diálogo, o exercício da sexualidade, o relacionamento do casal com Deus e as experiências de cada um desses casais que se propuseram a dispor uma parte do seu sábado/domingo a ajudar quem está começando a jornada.
Na palestra sobre Diálogo, nos foi dado o exercício abaixo (é só clicar nele que abrirá em tamanho maior), onde percebi que apesar de já namorarmos há quase cinco anos, eu não conheço meu noivo completamente, e acho que nunca vou conhecer... Por exemplo, o assunto sobre morte de um dos dois, eu falei com ele sobre isso uma única vez e ele não deu muita atenção. É muito bom, aconselho que vocês façam também.


Mas também teve uma parte prática!!! No final, fomos divididos em quatro grupos. Um grupo teve que escolher um deles pra falar pra todo mundo como se conheceram e porque decidiram se casar, outro falou sobre o casamento na Bíblia e o outro sobre os sacramentos. O nosso simulou um casamento!! hauahuahuah Foi muito divertido!!!!!! Adivinha quem eram os noivos?!?!?!?!? (Foi ideia do Henrique, viu! Ele que se ofereceu, acho que ele está ansioso pra fazer o papel de noivo logo!!)
Apesar de pesquisar nos sites, nos blogs, ter assistido vários casamento e palestras de cerimonial, foi muito difícil organizar as entradas e saber como se portar lá na frente. Eu tive que segurar o riso, o Henrique quando fez o juramento me deu um tapinha no ombro, tipo "É isso aí, parceiro!" (se ele fizer isso no dia, eu mato ele!) Definitivamente, não foi o casamento dos meus sonhos!!!!! hauahauhauhau Mas foi muito divertido!

Eu e meu pai postiço entrando com marcha nupcial cantada pelo convidados

Eu e meu buquê de vaso. O padre errou e leu as partes que a gente deveria falar =D

Juramento (até que ficou parecida com fotos de casamento por aí, né!)

Nossos padrinhos gargalhando ao fundo

As bridemaids

Nossas alianças na almofadinha de necessáire

A aliança dele custou mas entrou, pelo menos aqui a gente acertou as mãos
Acho que eu também estou ansiosa: Agarrei o noivo pelo cangote!!! rsrs

Ao final assistimos a missa e o Pe. Enedir nos entregou os certificados. Ele nos deixou por último, nos deu um abraço gostoso e falou: "O casamento de vocês já deu certo, Solange..." Senti o coração tão feliz por ouvir isso, principalmente vindo do Pe. Enedir, que foi meio que o nosso cupido conselheiro. Fiquei me sentindo nas nuvens...

Sendo prática agora: menos um item da check list!!!!!! YES!!!!!!

Besitos

P.S.: Obrigada aos parabéns e elogios feitos ao meu noivo no post anterior. Ele é um batalhador e merece muito!