quarta-feira, 28 de setembro de 2011

Testado e Aprovado: Presentear com dindin com originalidade


OI PESSOITAS
 
Eu, o Rafa e o Julio somos amigos há mais de 10 anos. Juntos nós vivemos a fase que todo mundo comete as maiores loucuras e bobagens e se diverte MUUUUUITO com tudo isso: a adolescência. Os anos passaram, nossos ossos já começam a doer e o nosso amigo Julio vai casar e virar chefe de família hoje às 20h30. Dá uma sensação esquisita saber que a maturidade está chegando...
Pois bem, eu e o Rafa fomos convocados e presenteados com a honra de ser padrinhos do Julio (Por que o Henrique não foi padrinho comigo? Bem, é uma longa história...). Daí que ser padrinho acarreta uma série de responsabilidades e a dúvida que não quer calar: O QUE DAR DE PRESENTE?
Fizemos uma reunião de cúpula com direito a quitutes da Tia Cleuza pre definir esta questã. O duro é que o Julio falou que já tinha tudo, e quando nós vimos os itens que restavam na lista de presentes, não tinha mais itens de impacto, dignos de pessoitas que "causam" como Rafa e eu.
- E agora, Rafa?!??!
- E agora, Sol?!??!
- Diz o que você tinha pensado...
- Ah que que você acha da gente dar em dinheiro...
- Rafa, eu tinha pensado nisso mesmo!!!! Uma vez o Fabrício me disse que ninguém pensa que o que os noivos mais precisam depois do casamento é de dinheiro... E eu tinha pensado num jeito meio malukinho de dar o dinheiro, não sei se você vai topar...
- Fala se é o que eu estou pensando...
- Que tal se a gente comprar um porquinho?
- Huahuahuah Nós estamos nos comunicando por telepatia, Sol...

E foi assim que ficou definido o presente do Julio. Espero que ajude à ele e à Cinthia, podendo tirar algum peso dos ombros deles. Dar dinheiro é uma situação complicada. Eu, realmente, acho muito indelicado pedir uma quantia de dinheiro ou dá-lo em envelopes ou depositar no banco e depois mostrar o comprovante. Hoje há muitos sites muito bons onde os convidados "compram" itens para casa ou cotas para lua de mel e o dinheiro cai automaticamente na conta dos noivos. Mas acho que a saída que nós demos a este impasse ficou muito criativa e divertida. Parece arte que a gente aprontava nos tempos em que comíamos sfiha do Habib's no Vitória Régia pra não ter que pagar os 10% do garçon (hauhauhauhauahuahua piada interna).
Pode não ter sido o melhor presente, mas que foi o mais original isso eu não tenho dúvida! Há salci fufu yeh yeh!!!

Os padrinhos arteiros


O noivo não esperava por essa... hauahuahua




Não liguem pra nossa cara de esgotados pós trampo




Close no lombinho recheado: Laranja porque o Rafa foi impedido de usar seu sonhado terno laranja e de gravatinha e cartola por se tratar de um evento social.


Agora se você preferir pode fazer como essa indonésia que ganha uma graninha alta fazendo origami com cédulas. Putz, quem tem tempo cag* longe mesmo.

Dêem uma olhada nessa notícia.


Besitos

P.S.: Meninas, não esqueçam do sorteio!! Inscrições até 18/10/2011. Segue o link para vocês participarem:

P.S. 2: Jú (Encanto Casamentos), desculpe não ter ido no seu casório, flor. Eis que São Pedro nos surpreendeu mais uma vez, e motoqueiros na chuva são como gatos no banho heheh Mas noiva xereta que sou, passei por lá e vi sua decoração. Estava linda! Você tem muito bom gosto! Pergunta pros músicos se eles não viram uma louca ficar olhando em cima da moto dentro do portão da Igreja, de capa de chuva e sacolinha de mercado nos pés... Então, era eu! rsrsrsr

3 comentários:

Fabrício Silva disse...

manutenção do blog: 01:30h rsrs...

Carla disse...

Adorei Sol, uma ideia super criativa de presentear com dinheiro.
e realmente é um presente que os noivos precisam muito..rs
Bju grande.

Fernanda e João Paulo disse...

Oi Sol, ótima ideia... gostaria de ganhar esse presente também!!!
Tô correndo participar do sorteio!!!

Bjs